Posts

Projetos corporativos: ambientes de trabalho mais aconchegantes e produtivos

A decoração de interiores de um ambiente faz toda diferença na rotina de
trabalho dos colaboradores.

Um projeto de arquitetura corporativa é capaz de ajudar a tornar a rotina de
trabalho mais produtiva e saudável. Além do ambiente positivo para equipe,
preparar ambientes com conforto e personalidade para receber clientes
também é fundamental.

Para isso, o planejamento do espaço deve considerar o segmento, a
necessidade dos colaboradores e as características da empresa. “A arquitetura
é muito importante na identidade de uma empresa, pois é o que gera impacto
visual quando se chega aos ambientes. Por isso, projeto corporativo passa
muito essa linguagem do que a organização quer passar e mostrar aos
clientes”, destaca a arquiteta Renata Pisani, que possui um vasto portfólio de
ambientes corporativos para escritórios e comércio.

 

Produtividade

Trabalhar em um espaço agradável e aconchegante faz com que a equipe
tenha mais vontade de ir ao trabalho. “Geralmente, um colaborador acaba
passando maior tempo do seu dia no trabalho e, pensando nisso, é importante
que o ambiente seja bonito, funcional e bem arejado. Tudo isso colabora para o
aumento de produtividade”, ressalta a arquiteta.

Além de trabalhar o conceito da marca, a arquiteta afirma que projetos
corporativos visam muito a funcionalidade. “É importante ter contato visual
entre a equipe, com os departamentos abertos ou separados somente em
vidro. Atualmente, um departamento está amarrado ao outro e esse convívio
diário faz com que as equipes estejam engajadas”, reforça Renata Pisani.

 

Novidades

Novas empresas, como startups, estão sempre buscando conceitos de
arquitetura mais descontraídos. “Essas empresas tem o foco na produtividade
e, por isso, elas pensam em levar um projeto diferente do que estamos
acostumados. Como a empresa é voltada aos colaboradores, ela preza pelos
momentos de descontração, com áreas de lazer o colaborador tem a
flexibilidade de onde vai produzir e trabalhar. Espaços compartilhados, como os
chamados coworking, também estão aderindo a essa tendência e deixando de
lado o formato mais engessado de escritório”, complementa a arquiteta.

Também são bastante atuais mobiliários mais práticos e funcionais. “Hoje o
tempo é cada vez mais curto e uma das novidade que as lojas de mobiliário
corporativo estão lançando são mesas de trabalho que tem uma ferragem que
levanta o tampo. Então quando preciso, as pessoas podem ter reuniões em pé,
de forma prática e rápida”, conta Renata Pisani.